quarta-feira, agosto 31

E-SWORD - VERSÃO 9.9.1 EXCELENTE FERRAMENTA DE ESTUDO REMODELADA

Átila da Silva para o CONTRA MÃOS


 Um programa excelente para qualquer pessoa que deseja estudar a Bíblia em um outro nível de interação textual é o E-SWORD. Rick Meyers lança a versão 9.9.1 do programa e oferece seu trabalho para levar, GRATUITAMENTE, ferramentas de estudo para pessoas sem condições de arcar com o pagamento pelos direitos de utilização dos grandes programas americanos. RIck tem como lema Mt.10:8 ("Vocês receberam de graça; dêem também de graça". NVI) e diz em seu site:
"Como um estudante da Bíblia e professor eu experimentei o trabalho necessário envolvido na busca das Escrituras para a preparação competente de um estudo da Bíblia, lição da escola dominical, ou uma mensagem. Há livros disponíveis como ferramentas de estudo (e a comunidade cristã está em dívida com a perseverança e escolaridade de vários autores), mas não há tempo suficiente, dinheiro ou espaço de prateleira para aproveitar corretamente esses recursos. O Software para o computador mudou a forma como podemos estudar a Palavra de Deus. Com uma simples pesquisa ou clique do botão do mouse, agora temos acesso a esses mesmos volumes de estudos em segundos".(1)

I. COMO INSTALAR O PROGRAMA

. Se você possui alguma versão do E-Sword, anterior à 9.0, instalada em seu computador, deverá jogá-la fora, pois o novo programa não é compatível com o anterior! Se você não sabe qual é a versõa do programa, abra-o e clique em  

. Vá para o site do programa gratuito: http://www.e-sword.net/downloads.html.
. No canto direito (veja a seta) clique no ícone "DOWNLOAD":
. Clique na seta para iniciar o download:

. Aceite EXECUTAR, pois o programa é totalmente confiável.

! - Se o seu computador for Mac ou rodar com o Linux, veja a indicação logo ao lado da seta vermelha.
. Assim que essa tela aparecer clique em "NEXT".
. Abrirá a tela abaixo. Selecione a opção "I accept the terms in the license agreement". É a aceitação dos termos do contrato para utilização do programa. Esse contrato diz que você não pode comercializar nem 'roubar' os elementos do programa.
. Após aceitar o contrato, clique em "NEXT":

 . A próxima tela é um aviso aos usuários que já tinham versões anteriores à 9.0. Eles deverão desinstalar a anterior e depois instalar a nova. Se não for seu caso, clique em "NEXT":
 . O programa será instalado na pasta "programas". Se desejar alterar o local de instalação clique em "CHANGE". Recomendo que permita que o programa continue a instalação normal. Clique em "NEXT":
 . Clique em "INSTALL":
 . Aguarde a instalação. Pode demorar alguns minutos tanto para começar como para terminar. Tenha paciência!

 . Após a instalação o programa abrirá a página do E-Sword para oferecer livros que podem ser comprados e adicionados ao programa gratuito.
 . Basta fechar a página da internet.

 . Agora feche todos os programas e você verá o ícone do E-SWORD em sua área de trabalho:

II. COMO ESCOLHER AS FERRAMENTAS DE PESQUISA
DO PROGRAMA

Para utilizar todos os recursos do programa, você deverá baixar os módulos com as ferramentas. Nessa nova versão, isso tornou-se muito fácil. Veja:

1. Abra o programa (Basta clicar duas vezes no ícone da área de trabalho).
OBS.: Pode ser que o Windows ainda instale alguns parâmetros rápidos. Isso é normal.


2. Com o programa aberto você deverá escolher a língua em que o programa funcionará:
    - clique em OPTIONS; depois LANGUAGE; e, finalmente, PORTUGUÊS
 3. Você verá que todos os menús do programa irão para a língua esolhida. Note que a versão de Bíblia que está aberta é a KJV (King James Version), ou seja, uma versão EM INGLÊS. Logo, perceba que somente o programa e seus menús é que estarão em português. As versões de Bíblia e as ferramentas de pesquisa (Dicionários, Léxicons, etc.) continuarão na língua em que foram gerados!
4. Vamos escolher as versões para incluir em seu programa. Só irá funcionar, se você estiver conectado à internet.


5. Clique em "BAIXAR".


6. Escolha o que você quer baixar primeiro. Vamos começar com as Bíblias:
 7. Todos as obras EM AZUL podem ser baixadas. BASTA CLICAR EM CIMA DA VERSÃO ESCOLHIDA e ela será incluída na parte de baixo da janela (veja a seta vermelha):
 8. Escolha as Bíblias (vá descendo na janela), depois escolha os dicionários e comentários. Sugerimos as seguintes ferramentas:
BÍBLIAS:
. King James Version (w/Strong's Numbers).
. Apostolic Bible Polyglot - Greek (w/Strong's Numbers).
. Greek New Testament (Majority Text).
. Greek New Testament (w/ Variants).
. Greek Old Testament (Septuagint).
. Greek Old Testament (Septuagint w/ Strong's Numbers).
. Westcott-Hort Greek New Testament (w/ Strong's Numbers).
. Hebrew Old Testament (w/Strong's Numbers).
. Portuguese João Ferreira de Almeida Atualizada.
COMENTÁRIOS:
. Jamieson, Fausset, Brown.
. John Gill's Exposition.
. Keil & Delitszch.
. Matthew Henry's.
. Robertson's Word Pictures.
DICIONÁRIOS:
. Brown-Driver-Briggs.
. Robertson's Morphological Analysis.
. Strong's Bible Dictionary.
. Thayer's Greek Definitions.


O restante é por sua conta.


 9. Clique na guia DOWNLOAD, depois START. O programa baixará e instalará as ferramentas escolhidas por você automaticamente:




10. Depois, feche todas as janelas e o programa.


11. Reabra o programa e comece a utilizá-lo. Todas as versões selecionadas e baixadas estarão à sua disposição para utilização.

domingo, agosto 21

FÁCIL PREPARAR... FÁCIL PREGAR!

Átila da Silva para o CONTRA MÃOS

Encontramos em nossos arquivos pessoais essa jóia (P&B) veiculada na saudosa revista Kérigma, ilustrada pelo caro Paulo Ciola.

A ilustração mostra a "difícil" tarefa de um pregador em plena fadiga de estudo!!!
Pregar assim é fácil.
Parece que o complicado é encontrar líderes que dediquem tempo e seriedade ao preparo de mensagens verdadeiramente bíblicas!
Bem, enquanto houver gente que aceite e deguste esse tipo de sermão instantâneo, haverá espaço para o negligente, o preguiçoso e o profissional administrador da fé alheia...

Algo mais para refletir:

“Ninguém precisa temer a exegese, a não ser o preguiçoso ou o negligente”. E. Haller (1)

“O ministro está negligenciando o seu Novo Testamento Grego porque está cada vez menos interessado em seu Novo Testamento em geral - menos interessado na Bíblia. A Bíblia era considerada a própria soma e substância da pregação. Um pastor fiel à sua vocação só conseguia reproduzir e aplicar a mensagem da Palavra de Deus. A atitude moderna é muito diferente. A Bíblia não é descartada, é claro, mas é tratada apenas como um recurso (...) Além disso, uma infinidade de tarefas, além de pregar e interpretar a Palavra de Deus são necessárias ao pastor moderno (...) Desta maneira, o ministro já não é um especialista na Bíblia, mas tem se convertido em uma espécie de administrador geral dos assuntos de uma congregação". J. Gresham Machen (2)

"Quem pára de crescer hoje, pára de ensinar amanhã. Estamos dispostos a pagar o preço do crescimento espiritual? Pois a verdade é que existe um preço a ser pago. O ensino eficiente não se acha à venda por aí, a preço de liquidação, não (...) a alegria e a satisfação de oferecer um ensino eficiente é por demais gratificante para ser trocado por um trabalho limitado e metas tacanhas". Howard Hendricks (3)

 FONTE:
(1). Citado por Grassmick, John D. in Exegese do Novo Testamento: do texto ao púlpito. Shedd Publicações. p.23.


(2). Artigo de J. Gresham Machen (1881 - 1937) publicado em fevereiro de 1918!
Veja a íntegra: http://www.iglesiareformada.com/Machen_Ministro_Griego.html.


(3). In Ensinando para Transformar Vidas. Editora Betânia. pp.141 a 143.

quinta-feira, agosto 11

LIDERANÇA E RECOMPENSA

Átila da Silva para o CONTRA MÃOS.

Muitos modelos de liderança cristã já surgiram através dos tempos, mas um tem-se destacado atualmente como a grande febre entre os pastores e líderes eclesiásticos. Escolhi rememorar o antigo desenho para apelidá-lo de "Jeito Mutley de Ser"(1). Mutley era aquele que, para toda tarefa a ser feita por força de sua obrigação e posto, exigia recompensa para cumprí-la. O seu bordão era famoso à época:
"MEDALHA, MEDALHA, MEDALHA"!
Ou seja," Eu faço", mas quero uma medalha, um reconhecimento em público, quero destaque, quero aparecer, quero ascender na escalada socio-eclesiástica.

O líder Mutley usa as pessoas e pastoreia as coisas. É aquele que está sempre muito ocupado construindo, reformando, angariando, dimensionando, contactando para obter, atraindo contribuintes, tirando fotos, aparecendo em filmes publicitários, entregando Bíblias para políticos em frente a Mídia, assumindo cargos sem a mínima noção do que fazer para o bem comum, adulando admiradores frívolos, apoiando causas que até podem se opor ao seu chamado original, mas se trouxerem "MEDALHA, MEDALHA, MEDALHA" corroboram a máxima: "Os fins justificam os meios'.

São líderes preocupados em ter seus títulos transparecendo nos boletins, nas outdoors, nas publicações, nos sites, nos eventos, nos créditos das igrejas para as quais foram chamados para servir...!

O "Jeito Mutley de Ser" reflete bem a busca atual pelo legado em forma de lembrança concreta: placas nas paredes, fotos nas salas, nomes nos templos, 'sua imagem e semelhança' nos ministérios personalizados...

O líder Mutley está fazendo sucesso, não pelo cuidado do rebanho de Deus, mas pela pretensa esperteza(3) de quem guarda para si, de quem prioriza sua visão e que pensa que "quem sabe faz a hora" - "quem aparece é lembrado" - "quem está adiante das mutlidões é mais consagrado do que o que está diante da pequena congregação"...

O caminho bíblico parece ser claro e objetivo:

2 Pastoreai o rebanho de Deus que está entre vós, cuidando dele não por obrigação, mas espontaneamente, segundo a vontade de Deus; nem por interesse em ganho ilícito, mas de boa vontade; 3 nem como dominadores dos que vos foram confiados, mas servindo de exemplo ao rebanho. 4 Quando o Supremo Pastor se manifestar, recebereis a imperecível coroa da glória. (2)

Não é "Medalha, medalha, medalha"! É "coroa"(4) para quem estiver nesse dia da manifestação do Pastor e Dono máximo da Igreja e for achado dentre os Seus...

NOTAS
(1). Lembra-se do desenho de Hanna-Barbera, onde Dick vigarista e seus comparsas precisam impedir um pombo-correio de levar as mensagens de guerra para os inimigos?
(2). 1 Pe.5 - ALMEIDA 21
(3). No sentido de "vaidade exagerada; presunção".
(4). Não para si mesmo, mas para a glória do Senhor, para ser depositada aos Seus pés para que toda a honra e todo louvor sejam apenas dEle... (Veja Rm.11:36: "Porque dEle, e por meio dEle, e para Ele são todas as coisas. A Ele, pois, a glória eternamente. Amém!" (Revista e Atualizada)

Para relembrar e desanuviar...

domingo, agosto 7

PREGADOR, ESCRITOR, AMIGO - JOHN STOTT

Átila da Silva para o CONTRA MÃOS

John Stott, antigo Reitor da Igreja All Souls, Langham Place, em Londres, e um dos líderes Cristãos mais importantes do século 2011, faleceu em 27 de Julho de 2011, aos 90 anos.

A revista TIME o nomeou em sua lista de "personagens mais influentes" de 2005, ao lado de Nelson Mandela e Bill Gates. Billy Graham o descreveu como o "clérico mais respeitado no mundo de hoje". E sua liderança do movimento evangélico ajudou este a passar de um fundamentalismo bastante fechado, depois da segunda guerra mundial, para seção de Cristianismo global de maior crescimento na atualidade.

O notável ministério de John Stott se extendeu por toda a metade do século. e até em seus oitenta anos continuava impactando no século XXI. John Stott era conhecido como un homem de inteligência notável e integridade himilde. Enquanto servia na Igreja All Souls e e nas várias outras causas nas quais estava envolvido, contribuiu para o mundo evangélico com uma confiança renovada, graça e firmeza espiritual. Junto a Billy Graham, John Stott teve um papel significativo no Movimiento de Lausanne, o qual promove o evangelismo cristão mundial. Ele escreveu a maior parte de seus dois principais documentos: o Pacto de Lausanne (1974) e o Manifiesto de Manila (1989).  George Carey, antigo arcebispo de Canterbury, comentou que “a contribuição de John Stott ao desenvolvimento de uma fé evangélica balanceada e uma comunhão anglicana biblicamente enraizada, provavemente não tem paralelo em nossa geração”.

Langham Partnership
Classicamente evangélico, Stott enfatizzou a necessidade de uma conversão persoal, a autoridade da Escritura e a centralidade da morte de Jesus.  Mas também enfatizou a necessidade da reflexão cristã e enfrentou o obscurantismo anti-intelectual. Apesar de ter sido um evangelista por toda a sua vida, rejeitou a relação cristã com o mundo somente por meio do evangelismo. Estava comprometido apaixonadamente com as dimensões morais e sociais do evengelho bíblico, incluindo a justiça aos pobres e o cuidado com a natureza... Foi o pioneiro na promoção do renacimento da pregação bíblica expositiva - que é um método de pregação que segue a sequência do texto como aparece em um único livro bíblico em particular - por todo o mundo evangélico. John Stott pediu que, depois de sua morte, as doações sejam enviadas a Langham Partnership, a organização que ele fundou com o objetivo de elevar a qualidade da pregação e ensino bíblico em todo o mundo.

London Institute
John Stott foi autor de 50 livros, com sua obra final, O Discipulo Radical, publicado em 2010. Seus livros mais significativos incluen: Cristianismo Básico, A Cruz de Cristo e Desafios que os Cristãos Enfrentam Hoje, junto com muitos tomos da série A Bíblia Fala Hoje.  “Seus libros tem desafiado e nutrido milhões de cristãos dirigindo-os à uma fé bíblica equilibrada e inteligente”, disse Chris Wright, Diretor Internacional de Langham Partnership.  “É incauculável o legado que deixou através do impacto global das organizações que fundou, Langham Partnership International e o Instituto Londrino de Cristianismo Contemporâneo”.

John Stott, quen nunca se casou, é o personagem principal de duas grandes biografIas, una publicada emdoIs volumes escritos por Timothy Dudley-Smith em 1999 e 2001, e a outra, em forma de narrativa popular, escrita por Roger Steer em 2009. Ambas foram publicadas pela IVP (InterVarsityPress).

“Para a grande maioria das pessoas cujas vidas influenciou profundamente”, disse Chris Wright, “ele era simplesmente ‘Tio John’ – um amigo muito amado, correspondente, e irmão (...) ele foi um dos homens mais humildes na face da Terra, (...) Para todos os que o conhecemos, ele foi um exemplo vivo da beleza simples de Jesus, a Quem ele amou sobre tudo”.

A lista de movimentos e Institutos que ele fortaleceu pode ser encontrada nas páginas biográficas de www.langhampartnership.org e maior informação no site memorial www.johnstottmemorial.org.

Eu, particularmente, tenho que tributar louvor ao Senhor pela vida e pela obra de John Robert Walmsley Stott. Desde "Crer é também pensar" encontrei em seus escritos o reflexo de um defensor do amor prático e do estudo bíblico em profundidade. O irmão Stott fará falta, mas suas obras o seguirão nas vidas que Deus tocou por sua instrumentalidade.
Aleluia!

FONTE:
Tradução nossa.

MAIS INFORMES:
Fotografias estão disponíveis em www.johnstottmemorial.orgPor favor, observe o ‘Copyright': 'Langham Partnership International’.